Teclado Magic Keyboard e melhores alternativas desse ano

Finalmente está com o Mac Pro em mãos, mas ainda falta um teclado magic keyboard? Ou ficou surpreso  com o preço e busca alternativas mais acessíveis invés do Apple Magic Keyboard? Então este artigo é perfeito para você!

Atualmente no mercado você pode encontrar diversas opções de teclados compatíveis com o Mac, porém muitos deles não estão no mesmo nível da marca e justamente por isso podem prejudicar a sua experiência.

Felizmente, há alternativas interessantes quando tratamos de teclados para Mac.

Entre as principais alternativas temos os teclados Magic Keyboard Apple, Magic Keyboard 2 (versão em inglês), MKEYE, Logitech K380 e Satechi ST-AMBKM.

Ambos são excelentes alternativas, mas para fazer a melhor escolha, você precisa se atentar em alguns detalhes.

Com isso em mente, hoje nós preparamos um artigo completo para você encontrar o teclado ideal para o seu Mac!

Por isso veja a lista onde reunimos as melhores opções e faça a melhor escolha!

Recomendações

Já para adiantar, dentre as 5 melhores opções que separamos, existem modelos que se destacam, sendo assim, vamos falar primeiramente destes modelos e categoriza-los dentre a categoria premium, nossa recomendação e economia!

Escolha Premium

Sem dúvida alguma, o Magic Keyboard com teclado número é a escolha premium desta lista (e também uma das melhores opções em termos de funcionalidade e design).

Com teclado numérico integrado, teclas otimizadas, arquitetura nível Apple e bateria com 30 dias de duração,  são apenas alguns dos motivos que tornam este modelo a escolha premium e definitiva!

Nossa recomendação

A nossa escolha é o teclado Magic Keyboard 2, versão sem a parte numérica e com uma excelente relação entre custo e benefício.

Embora seja mais acessível, o teclado Magic Keyboard 2 não reduz nenhum aspecto em termos de qualidade em uma comparação direta com a escolha premium.

Ou seja, ele também tem teclas otimizadas, design elegante e bateria de longa duração. Porém, vale destacar que o teclado numérico faz falta!

Melhor para o seu bolso

A opção mais acessível é a Logitech K380 que serve bem para usos mais descompromissados.

Esse teclado é compacto e funciona bem para quem procura um plano B caso o teclado principal do Mac apresente defeito ou esteja sem bateria.

Porém, ele não tem parte numérica e as teclas não têm a mesma otimização e resposta quanto os outros modelos desta lista.

Vale a pena dar uma olhada

Fora essas três principais opções, há outros modelos intermediários que também valem a pena ser considerados.

Veja a lista dos melhores teclados para Mac:

Melhores teclado Magic Keyboard

Índice

Mini Guia de Compras

Para você encontrar qual o melhor teclado Magic Keyboard ou sua alternativa mais vantajosa, você precisa levar muitos pontos em consideração.

Antes de mais nada, você precisa ter em mente a questão da ergonomia no seu ambiente de trabalho. Caso não saiba o que é ergonomia, vamos fazer uma explicação breve.

A ergonomia pode ser entendida como o estudo que garante o máximo de conforto ao executar determinada tarefa.

Portanto, a ergonomia considera as práticas mais adequadas com propósito de minimizar riscos de desconfortos musculares ou até dores mais sérias por conta do esforço repetitivo.

Um dos primeiros pontos apontados pela ergonomia é se atentar à altura do teclado.

Ou seja, os teclados devem ter uma ligeira inclinação para você poder apoiar os punhos sobre a mesa.

Além disso, as teclas precisam apresentar suavidade ao digitar. Caso contrário, você precisa colocar mais força ao digitar, aumentando a possibilidade de sofrer com lesões e desconfortos.

Indo além da questão da ergonomia, outros pontos que precisam ser destacados têm relação com o teclado Magic Keyboard e outros modelos desta lista.

O primeiro ponto é a presença do teclado numérico.

No Brasil, uma parte do teclado é dedicada exclusivamente aos números. Caso esteja acostumado com essa área, dificilmente você se adapta aos teclados sem a parte numérica.

Para conseguir fazer a transição você precisa ter muita força de vontade.

Além disso, você também deve se atentar ao design. Muitos modelos têm curvas mais retas e outros mais arredondados, por isso vai de cada preferência.

Por fim, vale notar também a questão da bateria. O teclado está entre os periféricos mais essenciais do Mac, por isso a bateria precisa ter longa duração.

Teclado Magic Keyboard e melhores alternativas

Teclado Magic Keyboard: teclado em versão definitiva para Mac

A Apple é conhecida por produzir soluções específicas e manter todos os seus produtos com o máximo de qualidade. No caso do teclado Magic Keyboard, o histórico de produtos excepcionais se mantém.

Com teclas otimizadas, você digita com o máximo de fluidez e não sente dores nas articulações dos dedos mesmo se escrever por longas horas.

Isso acontece por conta do mecanismo scissor do Magic Keyboard que, como o próprio nome sugere, funciona de maneira similar a uma tesoura, tensionando cada botão em X e garantindo mais conforto ao pressionar cada tecla.

Fora a maciez, esse sistema também garante um melhor tempo de resposta e silêncio ao digitar.

O teclado Magic Keyboard também se destaca por sua bateria. Como falamos mais acima, uma única recarga garante 30 dias de uso, ponto super positivo dado a importância de um teclado.

Também vale destacar que a parte numérica faz uma grande diferença no dia a dia, principalmente para quem trabalha com planilhas e números.

Já em relação ao design, este teclado também está disponível na cor cinza, combinando bastante com o cinza dos novos Macs.

Teclado Magic Keyboard (USA): modelo tradicional e mais acessível

O segundo periférico original da Apple, o teclado Magic Keyboard versão em inglês não traz o tradicional teclado numérico, mas fora isso as características se mantêm idênticas à versão premium.

Outro ponto positivo em relação a este teclado, a falta do teclado numérico torna o preço mais acessível. Embora não seja um salto muito significativo, a economia extra é sempre bem-vinda, correto?

Em relação às teclas, este modelo também trabalha com o mecanismo scissor, por isso toda a digitação fica confortável, ágil e silenciosa.

Mais um ponto favorável a este modelo está em sua bateria, que pode ser facilmente recarregada e garante 30 dias de uso em uma única carga.

No entanto, há duas desvantagens que valem a pena ser lembradas.

Primeiro, o teclado numérico  faz falta caso você já esteja habituado a essa facilidade. Portanto, acostumar-se a este novo teclado seria um pouco incômodo.

Além disso, este teclado está apenas na cor branca. Mesmo que seja elegante, isso limita as opções de cores e pode ser um pouco chato para alguns.

Teclado Logitech K380: compacto e acessível

Caso procure alternativas mais acessíveis do que o teclado Magic Keyboard, sem dúvida alguma o Logitech K380 está entre as principais alternativas.

O seu preço, sem dúvida alguma, é o principal destaque deste periférico e garante uma economia bem significativa. Porém, o valor reflete na falta de vantagens mais significativas.

Em seus pontos fortes, o teclado é bem compacto e você consegue levar para qualquer lugar, pois ele cabe perfeitamente até mesmo nas menores bolsas.

Além disso, ele pode ser encontrado em diferentes cores e funciona nos mais variados dispositivos, independente do sistema operacional.

Já nas desvantagens, há algumas ressalvas em relação ao Logitech K380.

As teclas são voltadas para o uso recreativo, ou seja, dificilmente você consegue trabalhar longas horas sem sentir desconfortos nas articulações dos dedos.

Este modelo também não é recarregável por isso você precisa ter pilhas de prontidão sempre que usá-lo.

No entanto, a principal desvantagem está em sua configuração mais complexa.

Não basta ligá-lo e pronto, você precisa seguir passos específicos conforme o aparelho a ser conectado.

Teclado MKEYE: opção internacional, atraente e com fio

O teclado MKEYE da marca Macally está entre as opções mais bem avaliadas da Amazon, sendo uma das melhores alternativas ao Magic Keyboard.

O preço deste periférico é acessível e apresenta uma relação entre custo e benefício, tão boa quanto o teclado Magic Keyboard (USA), embora haja algumas ressalvas.

Vamos começar pelos pontos positivos: este teclado possui teclas finas e são mais silenciosas e confortáveis ao digitar, mesmo que por longas horas.

Além disso, as teclas podem ser configuradas e garantir atalhos mais rápidos nas tarefas mais comuns, como copiar, colar e recortar arquivos. Ao todo, há 15 atalhos que podem ser configurados.

Outro ponto positivo está em seu teclado numérico, que facilita bastante no dia a dia do trabalho.

Além disso, o design é bem elegante e minimalista, tendo traços bem semelhantes ao teclado da Apple.

Contudo, há um ponto bem ambíguo que pode ser positivo ou negativo dependendo de sua perspectiva. Ao contrário de outras opções da lista, o teclado MKEYE precisa de fio.

Na prática, isso significa que basta plugá-lo ao Mac e pronto. Por outro lado, o fio pode atrapalhar na disposição da sua escrivaninha.

Teclado Satechi ST-AMBKM: qualidade próxima dos padrões Apple

O teclado Satechi ST-AMBKM é a principal saída se você está com um orçamento mais limitado e ainda não consegue comprar o teclado Magic Keyboard (USA).

Este teclado reúne todas as características de uma boa opção.

O teclado possui teclas otimizadas e não provoca dores ao digitar por longas horas. Além disso, ele traz teclas numéricas assim como a opção premium desta lista.

Outra vantagem, este é o único modelo que traz luzes internas, ou seja, as teclas contam com iluminação de apoio caso o ambiente esteja pouco iluminado.

Além de todos os pontos, vale destacar que, embora o teclado Satechi ST-AMBKM seja otimizado para Mac, ele também funciona em outros sistemas, como o Windows.

Em relação ao design, o produto se destaca novamente por conta da sua elegância, principalmente quando as luzes brancas entram em contraste com preto grafite do periférico.

Porém, a bateria prejudica o desempenho do teclado, já que garante apenas 80 horas de uso. Caso opte por ligar as luzes, a duração encurta ainda mais.

Guia do comprador – como escolher um bom teclado

Escolher um bom teclado para trabalhar é algo imprescindível para alcançar bons resultados, mas, sobretudo, ter mais qualidade de vida.

A partir disso, nós decidimos reunir neste guia os principais benefícios de escolher bons teclados e os pontos mais interessantes para você fazer a melhor escolha!

Como escolher o melhor teclado para Mac?

Para escolher o melhor teclado para Mac, você precisa considerar os aspectos do periférico e, claro, a sua necessidade.

No caso do teclado em si, é necessário avaliar todos os pontos que nós citamos mais acima neste artigo. Entre os principais pontos estão:

Alguns fatores, como conectividade e inclinação, não têm tanta importância já que costumam ser padronizados.

Devido a isso, outros pontos precisam de mais atenção, afinal eles variam em cada modelo.

Fora esses pontos, também é necessário considerar a sua necessidade e o seu orçamento, porque de nada adianta ter a opção premium se o único propósito será o uso casual.

Lesões por Esforço Repetitivo (LER) e o teclado

Conforme a reportagem acima, as lesões provocadas por movimentos repetitivos estão entre as principais causas de afastamento do trabalho no Brasil e apenas em 2017, esse tipo de problema representou 11% dos pagamentos do INSS por auxílio-doença.

Hoje, devido à pandemia de Covid-19 e o trabalho remoto, os números podem ser ainda maiores e mais expressivos.

Para evitar este tipo de lesão, você precisa buscar melhores condições de trabalho e isso vai além de mesas e cadeiras mais confortáveis.

Entre os pontos pouco observados, o teclado está entre os itens mais esquecidos embora tenha um papel fundamental na questão da ergonomia.

Portanto, ao buscar bons teclados, sempre considere aqueles que têm teclas otimizadas, minimizando os impactos dos esforços repetitivos.

O que significa ergonomia?

A ergonomia é um estudo que busca as melhores condições para executar uma tarefa, seja sentado, em pé, sobre telhados, etc.

No Brasil, teclados e outros periféricos seguem a NR 17 (Norma Regulamentadora). Na norma estão todas as características necessárias para determinar se um teclado pode ser considerado ergonômico ou não.

Com isso, a ideia é evitar problemas relacionados a má postura e lesões provocadas pelo esforço repetitivo.

Inclusive, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) trabalha com a padronização de processos e produtos, estipulando um padrão bastante alto de qualidade.

Conforme a NR 17, o teclado deve ser independente e possuir mobilidade, permitindo a você ajustá-lo de acordo com a posição.

Na prática, a recomendação é manter uma distância aproximada entre as distâncias olho-tela, olho-teclado e olho-documento, ou seja, com cerca de um braço de distância.

Além disso, a ergonomia também recomenda que a altura da superfície seja ajustável e assim permitir uma ergonomia ainda melhor.

Benefícios de bons teclados

Bons teclados garantem vantagens e benefícios imediatos já que no primeiro uso você sente a diferença ao digitar.

Com isso, os benefícios são muitos e a seguir nós vamos destacar os principais!

O primeiro benefício está na melhora da qualidade de trabalho. Ao sofrer menos com desconfortos e dores, você passa o dia mais confortável e isso gera um ambiente de trabalho mais proveitoso.

Em paralelo, a sua saúde também agradece por escolher um bom teclado para Mac, afinal você reduz consideravelmente as chances de desenvolver lesões por esforço repetitivo, um mal já frequente e comum como vimos mais acima.

Além disso, vale destacar que a jornada de trabalho passa a ser mais produtiva.

Isso acontece porque as pausas e hiatos de produção causados pelo desconforto deixam de acontecer com tanta frequência. Dependendo do nível de ergonomia da sua estação de trabalho, esses percalços nem sequer acontecem.

Por fim, vale destacar que bons teclados trazem muitas teclas de atalho. No dia a dia, essas teclas economizam bastante tempo e isso torna a sua vida ainda mais ágil.

A melhor escolha: Teclado Magic Keyboard (USA)

O teclado Magic Keyboard (USA) é a melhor escolha para quem busca um teclado definitivo para Mac. Porém, você deve se perguntar, mas porque ele é o melhor já que não tem teclado numérico?

Pois bem, por isso convido você a seguir a nossa linha de raciocínio.

Embora não tenha teclado numérico, você pode comprar apenas essa parte do teclado. Inclusive, a própria Satechi vende um teclado numérico otimizado para Mac.

E o melhor disso é que, mesmo com essas duas compras, o valor total continua com um bom custo benefício.

Conclusão

Como você pode ver até aqui, bons teclados são importantes aliados em termos de produtividade e qualidade de trabalho.

Justamente por isso, é preciso observar alguns detalhes, como a otimização das teclas e a mobilidade do periférico em superfícies lisas.

Tendo isso em mente, certamente você consegue fazer a melhor escolha de teclado para Mac!

FAQ

Sim e não. Muitos modelos contam com bateria recarregável, mas há também modelos que dependem da conectividade via cabo.

Sim, teclados com teclas otimizadas necessitam de menos esforço ao digitar por isso previnem lesões por esforço repetitivo.

Teclados mais baratos usam membrana e exigem mais dos dedos, causando desconforto ao usuário.

Desde que você tenha o valor necessário, sim, vale muito a pena.

Geralmente os teclados premium têm um valor mais alto por conta da qualidade extra ao usuário, proporcionando excelentes tempos de resposta e qualidade ao digitar.

Compartilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Posts Relacionados