Quer comprar um MacBook? Descubra como fazer a melhor escolha!

by Carlos

Quer comprar um MacBook? Descubra como fazer a melhor escolha!

Sinônimo de qualidade e sofisticação, os MacBooks são, sem dúvidas, um dos computadores mais completos do mercado.

Os notebooks Apple, são conhecidos por entregar todas as características da marca já comprovadas em seus celulares (Iphones), apple-Watchs e Tablets.

Seu aparelhos são focados em, por exemplo, materiais de excelente qualidade, alinhados com designs modernos e bonitos, além de excelência incomparável.

O foco da marca já amplamente conhecido é redefinir a maneira como as pessoas enxergam os notebooks, revolucionando assim, todo o mercado.

Porém, com o passar do tempo, e com os inúmeros modelos que foram aparecendo, escolher dentre os modelos, qual o melhor Macbook para o seu uso específico se tornou um grande desafio.

Pensando nisso, e para te ajudar nesse momento tão importante, neste nosso guia completo e detalhado, trouxemos para você algumas informações extremamente relevantes no momento da escolha do melhor Macbook.

E para te ajudar ainda mais, também separamos uma lista exclusiva com o que consideramos ser os candidatos a melhor Macbook para você.

Vamos lá?

Recomendações

Antes de descobrir qual é o melhor MacBook do mercado, conheça nossas 3 melhores recomendações:

Escolha Premium

Macbook Pro Retina Apple 13,3″

Como recomendação premium temos o Macbook Pro Retina Apple 13,3″,  o melhor notebook Apple para quem quer contar com imagens limpas, claras e em alta definição.

Com características únicas,  além da sua tecnologia Pro Retina que te permite ver o máximo de detalhes de qualquer tipo de imagem, o Macbook Pro Retina Apple conta com um processador core i9 e 16 GB de memória RAM, ótimos para quem quer aproveitar ao máximo, sem travamentos.

Nossa recomendação

Apple MacBook Pro 16″

Equipado com especificações poderosas para você que precisa de resultado e qualidade, o Apple MacBook Pro 16″ é hoje a nossa recomendação.

Modelo ideal para as pessoas que são entusiastas e adoram comprar sempre os melhores produtos disponíveis do mercado, essa última versão do notebook da Apple, além de contar com 16GB de memória RAM, conta também com um processador de última geração M1 Pro, que é capaz de suportar programas e tarefas extremamente pesadas e exigentes.

Melhor para o seu bolso

Macbook Air Apple 13″ M1

O Macbook Air Apple 13″ M1 é outra ótima opção que, além de muito completa, possui também um ótimo custo benefício.

Neste caso, mesmo sendo um dos modelos mais baratos, esse notebook Apple, possui um SSD de até 1T, que permite uma inicialização extremamente rápida e agilidade nas transferências de arquivos e documentos sendo também equipado com um processador M1, que funciona perfeitamente para tarefas simples, juntamente com uma memória RAM de 8GB, para manter a velocidade e fluidez do computador, mesmo com muitos programas abertos.

Melhores MacBooks em 2023

Veja agora abaixo nossa tabela comparativa com os melhores MacBooks do mercado – as melhores opções de compra, em diferentes categorias.

Melhor MacBook

Conta com uma tela Retina linda e imersiva
Seu processador é um Core i5
Vem com 16GB de memória RAM
Design moderno e sofisticado
Possui uma tela de 16”
Chip de processamento M1
É composto por uma tela Retina com resolução maior que Full HD
Conta com um processador Intel Core i7 e 8GB de memória RAM
Vem com SSD de 256GB de fábrica
Processamento chip M2 da Apple com CPU/GPU de 8 núcleos
Conta com 8GB de memória RAM e 256GB de SSD
Possui uma bateria de ótima duração
Conta com uma Tela de Retina 13″ polegadas
É composto por um Chip M2
Camera HD e microfones com qualidade de estúdio
Conta com 8GB de memória RAM e 256GB de SSD

Mini Guia de Compra

Como falamos anteriormente, compostos por materiais de excelente qualidade, alinhados com designs modernos e bonitos, além de excelência incomparável, os notebooks Apple, são hoje conhecidos por entregar todas as características da marca já comprovadas em seus celulares e Tablets.

A marca oferece hoje diversas opções, assim como diferentes linhas e funcionalidades, visando suprir uma quantidade grande de necessidades para atender dessa forma, públicos diversos.

Porém, para escolher o melhor MacBook, é preciso se atentar a alguns detalhes importantes.

Neste caso, antes de realizar a compra, o recomendado é que você analise todos os diferenciais do produto, o tamanho, as funcionalidades e tecnologias que ele oferece, o espaço de armazenamento, quantidade de memória, processamento, etc.

No final, alinhe essas especificações técnicas, com o seu objetivo com o produto, seja para estudar, desenhar, trabalhar de home office, usar para trabalhos mais complexos e que demandam mais desempenho.

Além disso, lembre-se também que por ser um equipamento bem acima da média, as referências quanto a modelos de entrada, intermediários e tops de linha são diferentes de outras marcas.

E além de considerar os pontos que mostramos acima, para fazer a melhor escolha, é importante que você se atente a muitos outros fatores e pontos e, além disso, se possível, analise cada produto individualmente.

Para te ajudar, elaboramos uma lista com os melhores MacBooks do mercado. No final, este artigo vai te ajudar a conhecer melhor o que é um MacBook, assim como conhecer as principais características, avaliar as vantagens e desvantagens de cada modelo.

Saiba que ao considerar esses detalhes, ficará muito mais fácil fazer a melhor escolha, e encontrar o produto ideal para você.

Então, para descobrir quais são os melhores MacBooks do mercado, é importante ler esse Guia até o final. Apresentaremos agora os melhores produtos com mais detalhes!

Os 5 Melhores MacBooks atualmente

Macbook Pro Retina Apple 13,3″

O notebook mais poderoso já criado pela Apple

O Macbook Pro Retina Apple 13,3″ Mwp42bz/a é de longe um dos notebooks mais poderosos já criados pela Apple.

Além de um design moderno e inovador, ele é integrado com uma tela Retina linda e imersiva, processadores absurdamente rápidos, chips gráficos poderosos e o Magic Keyboard.

Suas telas Retina contam com uma tecnologia que faz com que você, praticamente, não consiga perceber os pixels em uma imagem.

Isso porque a densidade de pixels é tão grande que os olhos não conseguem enxergá-los individualmente, estando a uma distância normal. Dessa forma, a sua experiência se torna única e singular.

Além da tela Retina, este notebook conta também com um processador Core i5 de 4 núcleos, que te permite assistir vídeos ou rodar games um pouco mais pesados sem dificuldades.

O Macbook Pro Retina Apple 13,3″ conta também com 16 GB de memória RAM entrando assim para lista dos melhores notebooks da Apple do ano. Além dos adorados Touch Bar e Touch Id para facilitar seu dia a dia, e interface ‎Thunderbolt.

Sua resolução de tela 2560 x 1600 pixels em tela de retina. E com sistema de resfriamento ativo, promete até 20 horas de desempenho, rápido e sem travamentos para multitarefas.

Vantagens


Conta com uma tela Retina linda e imersiva
Tem Touch Bar e Touch Id
Vem com 16GB de memória RAM e SSD de 512gb

Desvantagens


Sua conectividade é um pouco limitada
Processador Intel Core i5

Apple MacBook Pro 16″

Equipado com especificações poderosas para você que precisa de resultado e qualidade

Trazendo tecnologia de ponta e a melhor relação entre desempenho e tela, o MacBook Pro de 16 polegadas, lançado há poucos meses, tem recursos que surpreendem mesmo os  usuários avançados: espaço de sobra em um painel Retina e velocidade ímpar com a primeira versão do processador proprietário da marca.

Pensando em um PC veloz, a Apple resolveu deixar de lado a parceria com a Intel, abrindo mão dos processadores utilizados nos MacBooks: incluindo o i9, o i7 e outros. A partir de 2022, todos os modelos lançados já foram montados com os chips da própria Apple, e o novo Mac de 16 polegadas é um deles!

Garantia de mais velocidade: o M1 Pro é um dos melhores processadores já fabricados pela Apple, GPU com ótimo desempenho gráfico para edição e maior eficiência energética, o que concede até 20 horas de autonomia para o seu uso diário. Umas das primeiras CPUs com aprendizagem automática, através do Neural Engine: reconhecimentos gráficos mais ágeis e Inteligência Artificial em um único chip.

Tela de sobra: para um aparelho portátil, o Mac Pro oferece 16 polegadas de tela Liquid Retina (a melhor do mundo, conforme o prêmio  DisplayMate A +), com cores fidedignas e ótimo contraste. Esta é a melhor dica para quem trabalha com edição gráfica.

O único ponto negativo deste modelo é que ainda não existe a versão do processador M2 Pro da Apple, o que torna modelos inferiores (como o MacBook Air), com processamento equiparável.

Vantagens


A maior tela Liquid Retina da Apple
Processador melhor que os processadores da Intel
Vem com 16GB de memória RAM
Um dos primeiros processadores com Inteligência Artificial
Melhor desempenho energético da marca

Desvantagens


Baixa capacidade de armazenamento interno (SSD – 512 GB)
Não possui versão com o novo processador M2

MacBook Air Apple 13 M1

Excelente desempenho no dia a dia e até mesmo na hora de usar programas mais pesados

Pagar menos pode até significar sinônimo de menor qualidade, mas quando se trata de um Mac, esta regra acaba ficando para trás. A linha Air, apesar de apresentar os modelos de computadores portáteis mais “básicos” da Apple, é capaz de ultrapassar boa parte dos produtos premium de outras marcas, como a Lenovo e a própria Dell. Acredite: este notebook será suficiente para qualquer trabalho rápido que você precise realizar.

Esperar o computador responder não é mais um problema para quem possui um Mac Air. Sem teclado personalizável e de controles avançados, o Air é um “básico” que não se perde nas tarefas exigentes da sua profissão.

Tão compacto quanto o Mac Pro de 13 polegadas, a tela do Mac Air é tão suficiente quanto um bom notebook de outras fabricantes, com um ponto em destaque: mais qualidade de tela e cores mais vívidas, até no Word. 

O Chip integrado M1 é o processador da vez para o novo Mac Air, que ganha mercado com a promessa de um baixíssimo tempo de resposta, boa entrega gráfica e uma economia aceitável para o seu preço. Na maior parte do seu tempo, você conseguirá “fazer tudo na velocidade da luz”, como diz a própria campanha do dispositivo.

E não é porque é mais “barato” que não teria inovações importantes: vem com Neural Engine, representando a Inteligência Artificial na leitura de imagens e reconhecimento de perfis. Na prática, isso significa processamento mais rápido para tarefas complexas, como reconhecimento de face, de voz e realidade aumentada.

O Mac Air com M1 vem com 256 GB de armazenamento interno (SSD), até três cores disponíveis para escolha, 8GB de memória RAM e 13 polegadas de display Retina. A nossa crítica também fica na baixa capacidade de armazenamento do modelo para o seu preço, mas é possível escolher o mesmo modelo já com upgrade.

Vantagens


Apesar de ser um modelo “básico”, possui o novo chip M1
Tela Retina com alta fidelidade de cores para designers
Processador gráfico com Neural Engine (o futuro do aprendizado de máquina)
Até 18 horas de bateria
Conectividade Wi-fi 6 (mais velocidade de download na sua casa)

Desvantagens


Não possui a melhor tela Apple (Liquid Retina, presente no Mac Pro de 16 polegadas)
Não tem botões de atalhos personalizáveis, como o Mac Pro
Baixa capacidade de memória RAM para o seu preço

Macbook Air Apple 13″ M2

A nova geração de computadores portáteis da Apple

Já falamos anteriormente que o M2 é a segunda versão do processador mais veloz já criado pela Apple. Aliás, estas são as primeiras “apostas” da marca no mercado de chips eletrônicos de processamento: com um baita sucesso prático. 

A grande surpresa é que muita gente imaginava que a linha Air ficaria apenas com a primeira versão do processador proprietário, como no produto anterior. Mas a Apple resolveu aplicar o M2 também na sua linha de produtos mais acessíveis, como no Mac Air.

Inicialmente, os modelos topo de linha da empresa foram desenvolvidos para atender os clientes mais seletos, como os programadores, designers e editores de streamings, que precisam de alta produtividade: sem esperar a máquina ligar por vários minutos e sem ficar para trás na hora de executar tarefas que exijam um pouco mais do computador pessoal. Mas agora é possível fazer isso com o próprio Air, que custa bem menos que as versões Pro. Saiba mais sobre esta atualização:

A mesma tela aplicada na versão com processador M1 continua presente neste produto, mas agora o processador gráfico(GPU) passou de 7 para 10 núcleos e até 24 GB de memória unificada e dedicada. São 18 horas de autonomia energética (a menor dentre todos os modelos Apple), câmera HDR de 1080p, som com áudio espacial e Magic Keyboard (touch id e outras tecnologias). 

Com poucas observações, consideramos que este poderia ser um modelo com a tela e armazenamento maiores, já que se trata de uma atualização do Air de 13 polegadas.

Vantagens


Processador até 1,4x mais rápido que o M1
Design compacto e moderno (disponível em três cores)
Até 18 horas de bateria para trabalhar
Tela de retina ideal para reuniões remotas, com webcam e microfones de alta fidelidade

Desvantagens


Baixa capacidade de armazenamento interno
Bordas largas
Não tem botões de atalhos personalizáveis, como o Mac Pro

Apple MacBook Pro 13″

Representante da família mais nova da linha Macbook Pro

Apesar de ser bem parecido com o modelo de MacBook Pro de 16 polegadas, este notebook traz algumas particularidades bem interessantes para quem precisa de mais versatilidade no dia a dia.

Com maior mobilidade para levá-lo a qualquer lugar, o Macbook de 13 polegadas é a melhor escolha para quem porta o PC na sua rotina, sem se preocupar com espaço de sobra na mochila ou com a mesa pequena do escritório. 

Mesmo sendo um  pouco menor que o modelo topo de linha da Apple, este computador ainda possui uma performance imbatível, com uma tela Retina de máxima qualidade:  próxima a que é vendida na versão mais cara da empresa. Portanto, se a sua preocupação for com perda de performance, este Mac entrega algumas configurações interessantes:

O processador mais veloz da Apple: segunda versão dos chips de processamento proprietários da marca, o Mac Pro de 13 polegadas traz o M2, o processador com Inteligência Artificial embutida, processamento gráfico eficiente para streaming e edição de conteúdos. A verdade é que o M2 possui até 25% mais performance que o M1, ultrapassando o seu antecessor.

20 horas de bateria: mesmo com menos desempenho energético que o modelo Pro de 16 polegadas, este Mac ainda é muito eficiente: você terá 20 horas de trabalho contínuo, sem ser interrompido por avisos.

O que esperar deste Mac?

Este é um modelo pequeno e pronto para qualquer desafio do seu dia. Com um sistema melhorado e um SSD, você terá uma área de trabalho pronta para uso há poucos segundos após ligá-lo. 

O único problema desta versão do produto é que ele possui apenas 256 GB de armazenamento (você pode optar pela versão com 512 GB), considerado pouco espaço se você costuma armazenar muitos arquivos no computador. Mas com um custo-benefício destes para um produto Apple, vale a pena investir em um bom serviço de armazenamento em nuvem com sincronização automática!

Vantagens


O melhor processador já desenvolvido pela Apple (M2)
Tela Retina com alta fidelidade de cores para designers
Processador gráfico com Neural Engine (o futuro do aprendizado de máquina)
Até 20 horas de bateria
Resfriamento ativo para tarefas pesadas

Desvantagens


Não possui a melhor tela Apple (Liquid Retina, presente no Mac Pro de 16 polegadas)

Tudo que você precisa saber sobre MacBooks

E aí? Gostou do nosso Ranking com os melhores MacBooks do mercado? Já sabe qual modelo escolher?

Agora iremos te apresentar o Guia Completo do Comprador onde daremos dicas para você poder escolher bem seu MacBookSiga conosco nessa leitura e confira as características para as quais você deve se atentar para fazer a melhor escolha.

O que é um MacBook?

Linha de computadores desenvolvida pela Apple, lançada em 2006 e relançada em 2015 apresentando um notebook completamente inovador que estourou rapidamente  em vendas, o MacBook é hoje sinônimo de produtividade oferecendo desempenho muito acima de qualquer aparelho de outras fabricantes.

Marca que sempre promoveu revolução e inovação no mundo da tecnologia, hoje sabemos que um dos elementos que tornou o Macbook popular é o quão intuitivo consegue ser e o mesmo se aplica aos seus atalhos.

Neste caso, tudo isso é possível porque o Mac é o único computador do mercado que possui hardware e software desenvolvidos em conjunto.

Bastante leve, com performance rápida e com bateria duradoura, suas principais características são o seu design moderno e muito bonito, e seu tamanho extremamente reduzido quando comparado a concorrentes.

E além de oferecer uma grande diversidade de modelos, todos os seus produtos são atualizados de forma recorrente e a marca está sempre atenta a todas as mudanças, demandas e inovações do mercado.

Tudo isso fez dos MacBooks, um dos produtos mais procurados e cobiçados pelas pessoas, principalmente, quando falamos de profissionais que trabalham com design, produção visual e tratamento de imagem.

MacBook x Notebooks Comuns: O que um MacBook tem de diferente dos modelos tradicionais?

Podemos dizer que existem diversas diferenças entre um Macbook e um notebook comum.

A nova linha de aparelhos da Apple, por exemplo, traz uma tecnologia impressionante, os chips processadores M1, com um desempenho incrível, melhor autonomia de energia, GPU integrada com oito núcleos e desenvolvido exclusivamente para Macbook.

Os MacBooks são conhecidos por contarem com um sistema de teclado exclusivo da Apple.

Tal sistema foi desenvolvido para que cada tecla possa ter excelente desempenho na digitação de um texto, sem comprometer um dos focos do Macbook que é se manter muito fino.

Além disso, outro ponto que também vale a pena citar é sua tela de retina, tecnologia que te permite exibir imagens com uma fidelidade gigantesca.

O brilho e o contraste dos MacBooks também são extremamente bem balanceados, de modo que a experiência visual da tela do Macbook se torne única.

Sua tela também conta com um sistema de baixo consumo de energia, o que faz com que a bateria dure ainda mais, mesmo com a tela em brilho máximo.

Outro recurso de grande destaque entre os MacBooks é o Force touch, tecnologia inovadora que faz com que todos os toques em superfícies touch sejam mais responsivos e uniformes.

Seus sensores de pressão enviam ao sistema operacional qual força foi colocada na superfície sendo que o sistema consegue decodificar essa informação e responder de maneira diferente para diferentes pressões.

Assim, um mesmo toque com mais pressão poderá ser um comando totalmente diferente de um toque com menos pressão.

No final, tal tecnologia junto à tecnologia de diferentes vibrações faz com que a experiência de uso do Macbook seja muito sensitiva.

Outro grande destaque entre os MacBooks é a porta USB-C que ajuda bastante na facilidade de uso do dispositivo.

Tal porta pode ser utilizada tanto para transferência de dados quanto para carregar o próprio computador. 

Além de todos esses recursos, o Software e o Sistema operacional é, sem dúvidas, o que merece mais destaque dentre a linha de MacBooks da Apple.

MacBook: O que esperar do seu sistema operacional e do seu Software

Sistema Operacional

O MacOS tem como principal diferencial entre os outros sistemas operacionais, como Windows e Linux, a simplicidade.

Isso porque o sistema operacional da Apple é muito mais amigável para seu usuário.

Além disso, seu design é bem acabado e muito bem trabalhado, quando comparado ao Windows. Suas janelas, ícones, pastas, tem, por exemplo, um visual mais bonito e limpo.

O MacOS é também compatível com outros softwares e possui integração com outros sistemas e aparelhos.

Extremamente fácil de usar, focado em ser acessível a todos os públicos, o MacOS é um excelente sistema, possui uma integração completa com todos os seus outros aparelhos da marca como iPhone, Apple TV, sistema de casa inteligente e a Siri.

Além disso, em questão de segurança, o sistema presente nos notebooks Apple tende a ser muito mais seguro e apresenta menos riscos.

E isso acontece porque a Apple tem controle absoluto do desenvolvimento tanto do software quanto do hardware, facilitando o processo de implementação de novas medidas de segurança e atualizações.

Softwares

Os usuários de MacBook possuem uma grande vantagem em relação a outras pessoas. Isso porque eles podem, por exemplo, utilizar o Setapp, um serviço baseado em subscrição, que garante acesso a mais de 150 aplicativos seguros e totalmente otimizados para o MacOS.

O CleanMyMac X é um grande excelente exemplo de um programa disponível, ferramenta que ajuda seu computador a manter a eficiência dos seus recursos, instalando e fazendo pequenas modificações que vão te ajudar a ter uma experiência mais agradável.

Tal aplicativo permite que o usuário tenha maior controle de suas configurações de privacidade.

Além disso, com ele é possível deletar permanentemente outros aplicativos e seus arquivos associados.

E o melhor, outros aplicativos também são compatíveis com o seu notebook Apple, um bom exemplo é o pacote Office, que tem suporte total no OS da Apple.

Por exemplo, para editores de vídeos, além do próprio aplicativo nativo do sistema, temos o Adobe Premier, DaVinci Resolve, Blender, Light Word, etc.

Principais critérios para compra de um MacBook

Para escolher o melhor MacBook, é preciso se atentar a alguns detalhes importantes.

Além disso, por ser um equipamento bem acima da média, as referências quanto a modelos de entrada, intermediários e tops de linha são diferentes de outras marcas.

1. Escolha o modelo de acordo com o seu perfil

O primeiro passo para escolher o MacBook ideal para seu perfil é definir qual a série mais adequada ao seu perfil.

Como você provavelmente já deve saber, os modelos da Apple são divididos em 2 linhas, as quais possuem características e preços diferentes.

Neste caso, para facilitar a sua escolha, confira a seguir as principais informações sobre cada uma:

  • MacBook Air

Conhecida por ser a série mais acessível da Apple, os MacBooks Air possuem características únicas e singulares sendo os modelos mais indicados para quem não quer gastar tanto com um equipamento, mas ainda assim deseja ter um excelente desempenho.

Trata-se de um modelo que possui uma grande autonomia de bateria e o formato superfino inspirado em uma asa de avião, em que uma ponta tem apenas 0,4 cm de espessura, e a outra 1,6 cm.

  • MacBook Pro

Linha que contém os modelos mais modernos da Apple, os MacBooks Pro possuem uma série de características únicas sendo os mais indicados para quem executa tarefas pesadas, como designers gráficos e programadores.

Em vez da linha de teclas de atalho, por exemplo, eles possuem uma touch bar, que ajuda, inclusive, a agilizar a edição de vídeos.

Além disso, outro detalhe bem característico são os 2 tamanhos de tela, uma mais ampla e outra mais compacta.

Para finalizar, é importante lembrarmos que as especificações de cada série podem mudar conforme o ano de fabricação, mas independente disso, as características se mantêm.

Portanto, antes de qualquer coisa, avalie qual é o seu perfil de usuário para fazer a escolha mais adequada entre Air e Pro.

2. Avalie o processador para obter o máximo desempenho

Os novos processadores lançados pela Apple são bem diferentes do que encontramos no mercado, com a Intel dominando boa parte dos chips encontrados em modelos de outras fabricantes, como a Lenovo, a Dell e a Asus.

Diversos testes já comprovaram que os modelos M1 e M2 já estão na lista dos melhores processadores do mundo, com alta performance e uma boa economia energética (o que impacta na durabilidade da bateria para o prolongar o seu tempo de uso).

Conheça agora o que esperar entre cada modelo:

  • Apple M1

Primeira geração proprietária da Apple, o M1 possui especificações bem interessantes, como a integração com a Inteligência Artificial (estando entre os primeiros hardwares com esta funcionalidade) para execução de tarefas complexas de reconhecimento.

Baseado, sobretudo, no A14 Bionic, presente nos aparelhos mobile da empresa, o M1 suporta até 11 TFLOPs (medida de operações computacionais por segundo), 16 GB de capacidade para a memória RAM e 16 bilhões de transistores. Medidas que ultrapassam o processador Intel mais famoso do mercado(o Intel Core i9).

O chips M1 devem continuar no mercado por bastante tempo, já que existem algumas variações dos mesmos: M1 Pro, Max e Ultra. 

  • Apple M2

Lançado como atualização a chip M1, o M2 é uma versão bem “melhorada”, com maior capacidade de cálculos por segundo, maior economia de bateria e uma placa gráfica bem mais potente(ideal para games, compilação de código e edição de conteúdos visuais).

O M2 suporta até 15,8 TFLOPs, 24 GB de capacidade para a memória RAM e 20 bilhões de transistores. Isso significa até 35% de eficiência a mais que o seu antecessor.

  • Core i3

O Core i3 é um dos processadores mais básicos e equipa as versões mais acessíveis do MacBook Air sendo os mais indicados para usuários moderados, que não executam tarefas muito pesadas.

  • Core i5

O Core i5 é o processador mais versátil e equilibrado, conseguindo entregar uma boa performance para vários tipos de usuários.

Hoje este processador pode ser encontrado tanto em versões do MacBook Air quanto do MacBook Pro.

  • Core i7

Com um grande poder de processamento, o Core i7 é o processador ideal para os usuários mais avançados.

Aqui cabe frisarmos que, embora sejam mais comuns nos MacBook Pro, eles também podem ser encontrados no Air.

  • Core i9

Processador conhecido por ser o mais moderno em relação a processamento, e, consequentemente, o mais caro entre todos, o Core i9 está presente apenas no MacBook Pro sendo hoje o mais indicado para quem precisa do que há de melhor no mercado.

É importante frisarmos que o processador utilizado no MacBook não influencia apenas no desempenho, mas também no custo da máquina.

Por isso, saiba que quanto maior a performance, maior é o investimento necessário.

Dessa forma, recomendamos que escolha o hardware que melhor atende às suas necessidades e claro, o seu orçamento.

3. Capacidade de Memória RAM

O próximo ponto que precisa ser analisado é a capacidade de memória RAM oferecida pelo aparelho.

Como você provavelmente já deve saber, a memória RAM é utilizada no armazenamento das informações referentes às tarefas que estão em execução no MacBook.

Sendo assim, quanto maior ela for, mais atividades poderão ser feitas simultaneamente, sem que ocorra lentidão ou travamentos.

Neste caso, por serem desenvolvidos para oferecer mais produtividade, mesmo os MacBook Air mais básicos já possuem uma ótima quantidade de memória.

A Apple tem aparelhos com até 64 GB sendo que, atualmente, não se encontram modelos com menos de 8 GB de capacidade, o que já garante uma excelente performance.

4. Capacidade de armazenamento disponível

Assim como a memória RAM, o próximo ponto que precisa ser analisado para você poder fazer uma ótima escolha é analisar a capacidade de armazenamento do aparelho.

O armazenamento acaba sendo mais importante, principalmente, se você é um usuário que mantém muitos arquivos ou programas pesados salvos no computador. 

Além disso, quanto ao tipo de hardware, podemos dizer que um dos diferenciais dos MacBook é que mesmo as versões mais básicas utilizam o SSD, o sistema mais rápido e moderno atualmente.

Os modelos possuem, geralmente, 512 GB de capacidade já são suficientes para os usuários moderados.

No entanto, é possível encontrar modelos com até 8 TB de espaço, capazes de atender as necessidades dos usuários mais exigentes.

5. Desempenho gráfico

Uma das maiores mudanças aplicadas pela Apple nos modelos de Macs que apresentamos é a integração completa da placa gráfica com o processador (indo além das GPUs integradas comuns).

As novas placas gráficas reduzem a preocupação do usuário com upgrades na hora da compra, já que boa parte dos processadores Apple possuem ótimos chips gráficos integrados, com novidades de Inteligência Artificial, renderização de imagens complexas e mais economia. Sem dependência dos hardwares da Intel, a Apple já produz as suas próprias placas gráficas.

6. Tamanho da Tela

O próximo ponto que precisa ser analisado é o tamanho da Tela disponibilizado pelo equipamento.

Neste caso, o importante é que você escolha uma tela capaz de suprir as suas necessidades.

Por exemplo, se você está em busca de um computador compacto e leve para levar consigo durante o dia, uma boa opção são os MacBook com telas de cerca de 13″.

Isso porque esse tamanho é perfeito para dar mais praticidade ao dia a dia, mas claro, sem abrir mão da qualidade de imagem que a tela pode oferecer.

No entanto, se você procura por uma opção que ofereça mais espaço para as tarefas, a melhor escolha é o MacBook Pro com tela de 16″.

Isso porque com mais espaço visual, essa opção é perfeita para quem trabalha com recursos gráficos, já que oferece uma maior imersão durante as atividades.

Conclusão

E aí? O que achou do artigo? Gostou das dicas e informações? Já sabe qual modelo de MacBook escolher?

Como foi possível perceber durante a leitura do artigo, para fazer a melhor escolha, é muito importante ficar de olho em alguns pontos e fatores considerados essenciais na escolha de um MacBook.

Para finalizar e para fazer a escolha certa, recomendamos que você não deixe de conferir os produtos ranqueados no nosso top 5.

E caso nosso guia tenha realmente lhe ajudado, considere também compartilhar com amigos que se interessam pelo assunto e procuram por um MacBook.  

Até a próxima!

Perguntas Frequentes sobre MacBooks

Leave a Comment