Novo Kindle Paperwhite: Conheça o modelo que se tornou a melhor opção de leitor digital do momento!

Os amantes da leitura e usuários de dispositivos digitais têm mais um motivo para comemorar. O lançamento do Novo Kindle Paperwhite trouxe características até então inéditas para a família de leitores digitais da Amazon. 

Agora, a 11ª geração do dispositivo conta com funcionalidades mais avançadas, uma nova tela, mais opções de configurações, entre outras facilidades para melhorar sua experiência de leitura.

Para completar esse pacote, os leitores ainda têm a opção de escolher um modelo ainda mais moderno: o Kindle Paperwhite Signature Edition.

No entanto, com tantas mudanças, é claro que esses modelos chegam ao mercado com um preço mais elevado em comparação à última geração do dispositivo.

Mas será que vale a pena pagar mais por isso? Para responder essa pergunta, preparamos esse artigo com tudo que você precisa saber antes sobre esses novos leitores digitais.

Vamos lá?

Índice

Resumo

Lançado em 2021, o Novo Kindle Paperwhite é a 11ª geração do dispositivo. Dessa vez, o modelo já começa a chamar atenção em função do seu design.

Com bordas mais finas e tela de 6,8”, agora o leitor pode ter uma experiência de leitura parecida com o Kindle Oasis.

Além disso, o novo dispositivo conta com funcionalidades que não são encontradas no Kindle Paperwhite 10ª Geração. A principal delas é a possibilidade de ajuste da temperatura da tela, permitindo que o leitor tenha mais uma opção para personalizar seu leitor digital.

Outra mudança importante está relacionada à iluminação. Agora, o Kindle Paperwhite 11ª Geração conta com 17 LEDs embutidas, enquanto a geração anterior possuía apenas 5 LEDs.

Por isso, o usuário consegue ajustar a tela antirreflexo de 300 ppi com até 10% mais brilho no seu limite máximo.

A bateria também sofreu mudanças. Agora, o dispositivo é compatível com o USB-C, que é uma novidade na família Kindle. Por isso, a bateria carrega mais rápido e, de acordo com a fabricante, pode durar até 10 semanas, a depender do uso.

Como desvantagem, é importante citar o preço mais elevado em relação à geração anterior. Além disso, apesar desse aumento de preço, o novo modelo continua sem sensor adaptável de luz e está disponível apenas na versão com 8GB de armazenamento – que já é muito grande.

Mas se você ainda quiser um leitor de 32 GB, pode investir no Kindle Paperwhite Signature Edition.

Apesar desses detalhes, se você está pensando em investir num Kindle Paperwhite, vale a pena adquirir esse modelo. Afinal, ele é mais recente, deve substituir a outra geração em breve e ainda conta com o software mais recente do Kindle.

Por isso, ele é considerado a melhor versão desse dispositivo. Experimente!

Resenha completa

Conheça todas as características do Novo Kindle Paperwhite!

Design

Com um design mais moderno e ergonômico, o novo membro da família Kindle perdeu aquelas bordas com linhas retas. Agora, suas extremidades contam com linhas mais suaves e bordas mais finas, deixando para trás aquele aspecto “retangular”.

No entanto, apesar dessa mudança, o novo dispositivo de leitura é um pouco mais pesado do que a versão lançada em 2019. Enquanto a nova versão possui cerca de 205g, o Kindle Paperwhite 10ª Geração pesa apenas 182g.

Mas na prática isso não representa um acréscimo muito grande, já que ambos continuam leves. Além disso, é importante lembrar que o novo dispositivo possui uma tela maior e outros adicionais, o que justifica esse pequeno aumento de peso.

Então, se você for parar para pensar no assunto, a diferença não é tão grande assim para incomodar os novos usuários. Então, esse leitor digital continua sendo ótimo para segurar e ler com mais conforto.

Vale lembrar que o Novo Kindle Paperwhite 2021 conserva algumas características importantes da versão anterior. Afinal, ele também conta com proteção com classificação IPX8.

Isso significa que, além de ser impermeável, de acordo com a fabricante ele suporta a imersão em até 2 metros de água doce, por um período de 60 minutos.

É claro que não é muito recomendável você jogar seu Kindle na piscina ou no rio para testar. Mas essa proteção indica que, em caso de acidentes, seu aparelho sairá intacto.

Por isso, se você gosta de ler na beira da piscina, na praia ou então ficou ensopada com alguma tempestade que começou de repente, seu leitor digital continuará funcionando normalmente.

 

Tela

Uma das mudanças mais perceptíveis do Novo Kindle Paperwhite 2021 é a tela. A versão atualizada do dispositivo conta com uma tela lisa de 6,8”. Ou seja, quase alcança o tamanho do Kindle Oasis, que é um modelo mais caro.

Em função dessa mudança de tela, agora o Kindle está maior (174 x 125 x 8,1 mm) e mais confortável para ler e segurar. No entanto, apesar dessa alteração, alguns consumidores afirmaram que esperavam uma tela maior.

Afinal, os tablets e smartphones lançados recentemente são compatíveis com o aplicativo de leitura do Kindle e contam com telas bem maiores.

Contudo, é importante lembrar que a Amazon já lançou um Kindle de 9 polegadas (o Kindle DX), mas ele não é mais fabricado. Na época, parece que o público não curtiu muito a ideia.

Além disso, é importante lembrar que a proposta de uso do Kindle é completamente diferente de qualquer outro dispositivo. Afinal, ele é um leitor digital, isto é, um aparelho exclusivo para leitura, que deve ser prático, confortável e fácil de transportar.

Também é importante lembrar que não faz muito sentido a Amazon lançar um dispositivo maior do que o modelo premium da linha – o Kindle Oasis, cuja tela possui 7”.

Mas o aumento do tamanho da tela não é a única mudança desse modelo. Embora sua tela continue apresentando proteção antirreflexo de 300 ppi, o novo modelo conta com um acréscimo importante na iluminação.

Agora, ele possui 17 LEDs embutidos, o que garante um aumento de 10% de brilho em relação ao limite máximo disponível na versão anterior.

 

Desempenho

Se você gosta de rapidez e facilidade, esse é o modelo certo! Afinal, o novo dispositivo de leitura chega ao mercado com o software mais recente da linha Kindle.

Por isso, agora o usuário pode configurar e navegar pelo aparelho de forma mais rápida e intuitiva. Além disso, você pode realizar uma configuração rápida do seu leitor digital diretamente no seu celular – o que é uma novidade.

Para completar, ele é bem ágil para sincronizar e acessar a loja de e-books da Amazon.

No entanto, esse aparelho continua aceitando apenas e-books em formatos compatíveis com esse dispositivo.

Ou seja, ele aceita documentos nos seguintes formatos: Kindle 8 (AZW3), Kindle (AZW), TXT, PDF, MOBI sem proteção, PRC nativo; HTML DOC, DOCX, JPEG, GIF, PNG, BMP por meio de conversão.

Você até pode abrir um arquivo no formato PDF utilizando o seu Kindle. Contudo, a sua experiência de leitura não será muito boa, já que você continuará sem acesso à várias funcionalidades do dispositivo. Por isso, se você precisa de um aparelho para ler arquivos PDF, é melhor investir num tablet.

Vale lembrar que o Novo Kindle Paperwhite 2021 está disponível apenas na versão com 8GB de armazenamento. Mas isso não significa que ele não possui muito espaço.

Como os arquivos de textos geralmente são pequenos, é possível guardar milhares de e-books no seu leitor digital – e ainda sim vai sobrar espaço.

No entanto, caso você prefira um modelo com 32 GB de armazenamento, terá 2 opções: ou você investe no Kindle Paperwhite 10ª Geração (2019) ou no Novo Kindle Paperwhite Signature Edition, que é ainda mais avançado e conta com outras funcionalidades, além de um armazenamento maior.

 

Funcionalidades

O novo dispositivo Kindle agora conta com uma funcionalidade que, até então, era exclusiva apenas do modelo Oasis. Estamos falando da opção de ajuste de temperatura da tela, que permite ao usuário deixá-la do jeito mais confortável na sua leitura.

Além disso, apesar de contar com um software mais recente, o novo dispositivo de leitura da Amazon continua apresentando várias características que facilitam a vida do leitor.

Isso inclui a possibilidade de marcar páginas, fazer anotações e destacar trechos do texto. Além disso, o usuário ainda pode compartilhar suas citações preferidas e consultar o dicionário, o Wikipedia e até o tradutor.

O usuário ainda pode ter acesso ao tempo de leitura necessário para concluir o texto, que é calculado com o seu ritmo de leitura.

Outra vantagem desse dispositivo é que ele permite a personalização do estilo do texto. Isso significa que você pode ajustar o tamanho e tipo de fonte, o espaçamento entre linhas e até as margens do texto.

Além disso, o Kindle também permite a mudança de coloração das páginas, ou seja, você pode inverter as cores da tela, deixando o fundo de tela branco com texto preto; ou fundo preto com texto branco.

Tudo isso torna a leitura nesse aparelho mais confortável, já que você pode personalizar o texto como quiser, de acordo com suas necessidades.

 

Bateria

Embora também esteja relacionada ao desempenho do dispositivo, as mudanças na bateria desse novo leitor digital merecem um tópico especial. Afinal, o que já era bom, ficou ainda melhor!

Acompanhando as tendências do mundo da tecnologia, o Novo Kindle Paperwhite é compatível com cabo USB-C, que garante um carregamento mais rápido. Por isso, para que seu Kindle fique com 100% da bateria, ele demora 5 horas, quando conectado ao computador.

No entanto, esse tempo cai para metade, 2,5 horas, se for conectado a uma tomada de 9W. Contudo, é bom lembrar que o cabo USB-C acompanha o aparelho, mas o plugue da tomada deve ser adquirido à parte.

Apesar desse tempo de carga ter aumentado em relação ao Kindle Paperwhite 2019, que demorava 4 horas para carregar no computador, o tempo de carga através da tomada foi reduzido em 30 minutos.

Além disso, agora a bateria é bem mais durável. De acordo com a Amazon, essa bateria pode durar até 10 semanas, dependendo da forma de uso. Para você ter uma ideia, a bateria do modelo anterior dura até 6 semanas. Ou seja, o novo dispositivo possui uma bateria mais otimizada, durável e eficiente.

 

Comparativos             

Com a chegada de um novo modelo, muita gente pode ficar em dúvida sobre quais as diferenças entre o modelo mais recente e outras versões que já são famosas no mercado. Para te ajudar a tirar suas dúvidas, fizemos alguns comparativos:

 

Qual a diferença entre o Novo Kindle Paperwhite 2021 e o Kindle Paperwhite 10ª Geração?

As principais diferenças entre os dois modelos dizem respeito ao tamanho e a funcionalidade do dispositivo. Isso porque, em comparação ao modelo antigo, o novo aparelho possui uma tela maior, um software mais recente e ainda oferece a opção de ajuste de temperatura de tela.

Além disso, o novo Kindle conta com cabo USB-C e uma bateria que pode durar até 10 semanas, características que são novidades na família de leitores digitais da Amazon.

Em função dessas características, o Novo Kindle Paperwhite pode ser considerado um investimento bem melhor do que sua versão anterior, já que possui funcionalidades extras.

No entanto, se você já tem o Kindle Paperwhite 10ª Geração, não vale a pena trocá-lo por um aparelho mais novo. Afinal, ele já conta com muitas vantagens e melhora sua experiência de leitura.

Agora, se você está pensando em comprar um Kindle, aí sim vale a pena investir na versão mais atualizada desse dispositivo.

 

Qual a diferença entre o Novo Kindle Paperwhite 2021 e o Kindle Paperwhite Signature Edition?

Também lançado em 2021, o Kindle Paperwhite Signature Edition pode ser considerado uma versão premium do Novo Kindle Paperwhite.

Como explicamos neste artigo, além de todas as características do novo Kindle, o modelo Signature Edition possui uma capacidade de armazenamento maior (32GB) e conta com sensor de luz adaptável, característica que, até então, era exclusiva do Kindle Oasis.

Além disso, o modelo Signature Edition conta com uma novidade exclusiva para toda a família de leitores da Amazon: a compatibilidade com o carregamento sem fio.

Embora o dispositivo não acompanhe o produto, essa possibilidade indica que a fabricante realmente está antenada com as tendências da atualidade.

Afinal, esse tipo de carregamento já é uma realidade para vários smartphones. Portanto, já estava na hora dessa tecnologia chegar aos leitores digitais.

O único problema é que, para ter acesso a todas essas funções, você tem que gastar mais. Isso porque, apesar de ser mais barato do que o Kindle Oasis, o modelo Signature Edition é mais caro que o Novo Kindle Paperwhite, e pode ser considerado bem mais caro do que o modelo de 10ª Geração.

Por isso, comparando os dois modelos, só vale a pena comprar a versão Signature Edition se suas características realmente forem significativas para você.

Caso contrário, o novo Kindle já oferece atualizações interessantes, que melhoram seu desempenho e sua experiência de leitura.

Qual é o melhor: Novo Kindle Paperwhite 2021 ou Kindle Oasis?

Apesar do lançamento da versão mais recente do modelo Paperwhite, é importante deixar claro que o Kindle Oasis continua sendo uma opção premium e mais avançada de leitor digital.

Afinal, esse dispositivo conta com muitas funcionalidades exclusivas, como o design mais ergonômico com botão de virar a página.

Além disso, sua tela é maior e sua iluminação é mais eficiente, já que possui 25 LEDs embutidas. E apesar do ajuste de temperatura e sensor de luz não serem mais exclusivos do modelo Oasis, essas características continuam sendo diferenciais.

Para conhecer melhor o modelo Oasis, assista ao vídeo abaixo:

Conclusão

O Novo Kindle Paperwhite chegou ao mercado para mostrar que a Amazon realmente está antenada com as tendências do mundo da tecnologia.

Com um software mais recente, ajuste de temperatura, tela maior, compatibilidade com cabo USB-C, entre outras características, esse modelo apresenta melhorias importantes em relação ao dispositivo da geração anterior.

Apesar disso, se você já tem o Kindle Paperwhite (2019), não vale a pena fazer a troca agora. Afinal, a versão antiga continua oferecendo uma excelente experiência de leitura.

No entanto, se você nunca comprou um leitor digital ou está pensando em trocar seu aparelho antigo, vale a pena pagar um pouco mais nesse modelo mais recente de leitor digital.

Até porque a nova versão é construída com tecnologias que acompanham os lançamentos do mercado e, com o tempo, deve substituir definitivamente o modelo anterior.

Além disso, é sempre muito melhor investir na versão mais atualizada de dispositivos digitais. Então, se estiver na dúvida, pode investir nesse novo Kindle sem medo!

F.A.Q.

A 11ª Geração do Kindle Paperwhite, lançado em 2021, chega ao mercado com melhorias importantes. Além de contar com porta USB-C e bateria bem mais durável, o novo dispositivo possui ajuste de temperatura e iluminação mais potente, com 17 LEDs embutidas. Além disso, esse modelo conta com um software mais recente, mais intuitivo e fácil de usar.

Se você tem um Kindle antigo e está pensando em trocá-lo, vale a pena investir numa versão mais moderna e atualizada desse leitor digital – o Novo Kindle Paperwhite. Mas se você já tem a última versão do Kindle Paperwhite, lançada em 2019, não precisa se preocupar. Seu dispositivo ainda oferece muitas vantagens. Por isso, não precisa deixá-lo de lado agora.

O melhor dispositivo de leitura da Amazon continua sendo o Kindle Oasis, que possui mais funcionalidades e melhor desempenho da família Kindle. Agora, se você busca uma versão moderna, atualizada e com bom custo-benefício, é melhor investir no Novo Kindle Paperwhite.

Compartilhar

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Posts Relacionados